Rádio CN Agitos

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

PROGRAMA DE MEDEIROS CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL 43.234.

COMO CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL 43.234 - apresento ao povo parte do meu programa, para que seja analisado por todos aqueles que querem novas cabeças no LEGISLATIVO DO RGN. .

 

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Suco funcional é segredo para começar o dia bem disposta: veja dicas de preparo Saiba como preparar em casa.

Thinkstock
Thinkstock
Os sucos desintoxicantes e funcionais viraram uma verdadeira febre no mundo fitness. Mas não é para menos: por ser feito a partir de vegetais vivos, a bebida carrega altas concentrações das principais substâncias necessárias ao corpo. Veja como preparar o seu para começar o dia bem disposta:
Leia também


sucos-funcionais-para-comecar-o-dia-2.jpg
Thinkstock

O que é suco funcional?

O suco funcional é preparado a partir de vegetais crus. Por não haver cozimento ou conservantes, ele guarda os principais benefícios dos alimentos. Tais propriedades auxiliam na desintoxicação do corpo, por apresentarem ação anti-inflamatória e diurética. 

O que colocar no suco desintoxicante?

O suco desintoxicante deve ser preparado a partir de vegetais frescos e crus. Recomenda-se a utilização de folhas escuras, como couve e rúcula; frutas, como abacaxi, laranja ou maçã; legumes, como cenoura e beterraba; especiarias, como gengibre e canela; água filtrada, chás ou água de coco. Basta escolher de um a dois ingredientes de cada grupo mencionado.

Como preparar o suco detox?

O preparo do suco detox é bastante simples: bata todos os ingredientes no liquidificador; adicionando gelo, se preferir. A bebida não deve ser adoçada, por isso é importante o uso de frutas adocicadas para melhorar o paladar. Além disso, é imprescindível que ele seja consumido sem coar. 

Receitas de sucos detox

As receitas do suco que emagrece e as dos sucos anti-barriga estão entre as que mais fazem sucesso entre quem quer desinchar e reduzir medidas. No vídeo abaixo você também pode assistir ao vídeo em que a nutricionista funcional Gabriel Maia ensina outras duas receitas poderosas e fala sobre os benefícios dos sucos naturais:

A POPULAÇÃO PEGUNTOU A MEDEIROS:

Medeiros contador, Homem sério e trabalhador! 43.234
Me perguntaram essa semana quem eram meus aliados e quem estaria me apoiando? eu respondi: meus aliados são o povo e meu apoio vem do povo. Melhor fazer uma campanha individual, no entanto simples e mostrando sinceridade a população, do que pôr em risco a credibilidade que conquistei ao longo de mais de 4 décadas, com políticos que até certo tempo atrás xingavam-se e hoje estão se abraçando.Vamos fazer uma currais novos melhor!

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Cientistas investigam doença desconhecida em índios do Pará.

Índios da etnia assurini, no Pará, estão sendo tratados por médicos de Belém enquanto cientistas tentam descobrir qual o agente patológico que os infectou
Índios da etnia assurini, no Pará, estão sendo tratados por médicos de Belém enquanto cientistas tentam descobrir qual o agente patológico que os infectou
Índios assurini de uma aldeia do Pará apresentaram sintomas de uma doença ainda não identificada, o que tem preocupado autoridades de saúde.
Nos últimos dias, três crianças morreram e cinco tiveram que ser internadas. O Ministério da Saúde continua apurando as causas dos óbitos e o número de infectados.
Segundo a Secretaria estadual de Saúde, os doentes apresentaram infecção do trato respiratório, tosse, dificuldade para respirar, além de febre.
Os primeiros resultados dos exames, feitos pelo Laboratório Central do Estado e o Instituto Evandro Chagas, descartaram infecções por H1N1, metapneumovirus e vírus sincicial respiratório (causadores de bronquiolites)  e coqueluche. A hipótese de elas terem contraído doenças conhecidas, como rinovírus (resfriados) e caxumba, ainda está sendo investigada.
Dos três óbitos, dois ocorreram no Hospital Regional de Tucuruí, na quinta-feira (20) e na sexta-feira (22). A terceira morreu, quando era transferida para Belém, no sábado (23).
As três estavam internadas desde o dia 11, mesmo dia em que técnicos da Secretaria Especial da Saúde Indígena (Sesai) foram enviados de Brasília para ajudar as equipes locais e investigar as causas do mal-estar entre os índios.
 A equipe da Sesai continua na aldeia, apoiando as ações de assistência à comunidade.
Das cinco crianças internadas no sábado (23), duas foram liberadas para voltar à Aldeia Trocará, na cidade de Tucuruí, no sudeste do Pará.
Segundo a assessoria do hospital, elas apresentaram melhora no quadro clínico, mas não permaneceram na Unidade de Diagnóstico de Meningite, por falta de leito.
As demais continuam sob cuidados médicos no Hospital Universitário Barros Barreto, vinculado à Universidade Federal do Pará, à espera do resultado dos exames.

Medeiros Contador candidato a Deputado Estadual e suas propostas VEJA.

 PROPOSTA:
Uma de minhas propostas é o projeto para regularizar e destinar recursos as equipes do esquadrão resgate na área da saúde, pois os mesmos realizam esse trabalho voluntariamente e dependem da ajuda de terceiros para manterem seus serviços.

sábado, 23 de agosto de 2014

PROPOSTA DE MEDEIROS Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!



- Posto do SESAP para distribuição de remédio contínuo para maiores de 
60 anos nas principais cidades.



 HISTÓRICO DE MEDEIROS
Como vereador, implantei na Cidade uma associação com ambulância 
comunitária disponível para a população menos favorecida,
 a qual funcionava 24h prestando serviço gratuito a população.
 

Saúde ocupacional: Levante dessa cadeira!

 

Desde o surgimento dos espaços de trabalhos, ficar sentado durante um longo período de tempo tornou-se normal. Escritórios quase em sua totalidade possuem estruturas com cadeiras e mesas, e o colaborador fica sentado cerca de 8 horas por dia.


Para muitos, trabalhar sentado é uma característica positiva devido à comodidade da prática, mas não é bem assim, há diversos estudos que indicam que isso pode ser muito prejudicial à saúde. Em pesquisas frequentes realizadas por institutos da área de saúde, constatou-se que ficar sentado 8 horas por dia pode aumentar o risco de morte de doenças cardiovasculares em até 50%.

Para o neurocirurgião Mauricio Mandel, o corpo humano não está estruturado para ficar muito tempo parado em uma posição. A falta de movimento faz com que os músculos entrem em estado de fadiga e comecem a doer. E os músculos estão longe de serem os únicos prejudicados.

Em entrevista para o New York Times, o pesquisador da Clínica Mayo James Levine ressaltou: “Passar muito tempo sentado é uma atividade letal. Ao simples ajuste do corpo na cadeira, vários processos negativos se iniciam no corpo, a perna perde as atividades elétricas e a queima de caloria diminui em 75%, após algumas horas sentado a eficiência da insulina diminui e o corpo fica mais suscetível ao risco de diabetes”.

Evite a L.E.R, mexa-se:


Parece uma situação sem resolução, mas não é! Confira na sequência algumas dicas que ajudam evitar as lesões por esforço repetitivo (L.E.R), e minimizar os riscos de doenças e mal estares para pessoas que ficam sentadas por longos períodos.


Saiba quanto você anda: Hoje é possível contar os passos dados durante o dia por meio de diversos dispositivos, com contadores de passos oficiais, aplicativos para celular, entre outras opções. O ideal é dar 10.000 passos por dia, se você está longe deste número se organize para caminhar por mais tempo.

Faça pausas: Quebre a rotina, se programe para levantar pelo menos uma vez por hora, se estique, pegue uma água! A água além de seus conhecidos benefícios para saúde o fará ir ao banheiro, ou seja, aumenta o tempo em movimento.

Mude hábitos: Você come sempre no mesmo local? Aquele ambiente mais perto do trabalho? Se respondeu sim para as perguntas, você pode mudar. Conheça outros locais, além de experimentar novos sabores, você pode se exercitar mais.

Menos tecnologia: Precisa de uma resposta rápida em outro departamento, ou de um colaborador que fica longe? Esqueça o telefone e o e-mail, visite seu colega!

Ande, ande, ande: Sim, ande o máximo que você puder, se utiliza condução desça um ponto antes e vá andando. Caso utilize carro, deixe-o em um estacionamento mais longe. Não perca nenhuma oportunidade de caminhar e aumentar a quantidade de movimento, sua saúde agradece.


Fonte: MSN Empregos

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Macarrão instantâneo traz riscos para a saúde feminina.


Mulheres que comem macarrão instantâneo pelo menos duas vezes por semana correm um risco maior de desenvolver pressão alta, glicemia e colesterol elevados, alertaram cientistas americanos nesta quinta-feira (21).

O estudo se concentrou na análise de dados de 10.711 adultos - mais da metade dos quais eram mulheres - na Avaliação Nacional Coreana de Saúde e Nutrição.

Cientistas da Universidade de Harvard descobriram um risco 68% maior de que mulheres - mas não os homens - venham a desenvolver a chamada síndrome metabólica ao comer macarrão instantâneo mais de duas vezes por semana.

A síndrome metabólica abrange um grupo de condições que aumentam o risco de uma pessoa desenvolver doença cardíaca e diabetes e inclui o acúmulo de gordura na região abdominal.

"O consumo de macarrão instantâneo foi associado com um aumento da prevalência de síndrome metabólica nas mulheres, independentemente de padrões dietéticos mais abrangentes", destacou o estudo, publicado no Journal of Nutrition.

Em outras palavras, não importa se as mulheres ingeriram uma dieta constituída predominantemente de arroz, peixe e vegetais ou uma dieta mais pesada, baseada em carnes e comidas fritas - se elas comeram macarrão instantâneo duas vezes por semana, corriam mais riscos de apresentar problemas de saúde.

Não ficou claro porque a condição afeta as mulheres e não os homens.

Uma vez que os dados se basearam em avaliações, o cientista Frank Hu, professor de nutrição e epidemiologia em Harvard, cogitou as possibilidades de que as mulheres tenham dado informações mais precisas sobre suas dietas ou que elas sejam mais sensíveis aos efeitos de carboidratos, gorduras e sais.

Então, quanto é demais quando se trata de macarrão instantâneo?

"Uma ou duas vezes por mês não é problema", afirmou Hu, citado pelo jornal The New York Times.

"Mas algumas vezes por semana, realmente é", prosseguiu.

Fonte:UOL

AGENDA DE MEDEIROS PARA ESTE FIM DE SEMANA.


Nesta sexta  a tarde visita aos moto taxistas na cidade de currais novos, sábado a tarde visita ao povoado são sebastião e povoado cruz. e domingo pela manha tenente laurentino.

MEDEIROS Visitando moto taxistas em currais novos.



MEDEIROS Homem sério e honesto que trabalha com responsabilidade.Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!

 
 

  
 
 

 
 
 

 
 

 
 


PROPOSTA DE Medeiros Contador candidato a Deputado Estadual 43.234



 PROPOSTA :

 Uma das minhas propostas de governo é implantar no antigo prédio do CSU na cidade de currais novos um centro de atendimento aos diabéticos para toda região do seridó. Esse prédio hoje vive abandonado e tem servido só para usuários de droga. Com esta iniciativa, as pessoas que sofrem do diabetes teriam uma melhor assistência e a cidade de currais novos seria beneficiada com geração de emprego.
 

MEDEIROS Homem sério e honesto que trabalha com responsabilidade.Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!


quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Vamos votar em medeiros por tudo que ele foi e é MEDEIROS 43234.


Vamos votar em Medeiros por tudo que ele foi e é, e o muito que vez por currais novos, ajudando as pessoas, principalmente quando foi secretario, vereador, presidente do aero clube, pois meu deputado é MEDEIROS 43234, e o muito que vez por currais novos, ajudando as pessoas, principalmente quando foi secretario, vereador, presidente do aero clube, pois meu deputado é MEDEIROS 43234


segunda-feira, 18 de agosto de 2014

No Brasil, mortes por depressão crescem 705% em 16 anos.

 

Em 16 anos, o número de mortes relacionadas com depressão cresceu 705% no Brasil, mostra levantamento inédito feito pelo jornal O Estado de S. Paulo com base nos dados do sistema de mortalidade do Datasus. Estão incluídos na estatística casos de suicídio e outras mortes motivadas por problemas de saúde decorrentes de episódios depressivos.

Foi a depressão, somada à dependência química, o que provavelmente levou o ator americano Robin William, de 63 anos, a se matar, na segunda-feira passada, dia 11. Os dados mostram que, em 1996, 58 pessoas morreram por uma causa associada à depressão. Em 2012, último dado disponível, foram 467.

O número total de suicídios também teve aumento significativo no Brasil. Passou de 6.743 para 10.321 no mesmo período, uma média de 28 mortes por dia. As taxas de suicídio são muito superiores às mortes associadas à depressão porque, na maioria dos casos, o atestado de óbito não traz a doença como causa associada.

No Brasil, a faixa etária correspondente à terceira idade é a que reúne as estatísticas mais preocupantes. No caso de mortes relacionadas à depressão, os maiores índices estão concentrados em pessoas com mais de 60 anos, com o ápice depois dos 80 anos.

No caso dos suicídios, embora os números absolutos não sejam maiores entre os idosos, a maior taxa de crescimento no período analisado ocorreu entre pessoas com mais de 80 anos. Entre 1996 e 2012, o suicídio cresceu 154% nesta faixa etária.

Causas

Segundo especialistas, o aumento de suicídios e de mortes associadas à depressão está relacionado com dois principais fatores: o aumento das notificações e o crescimento de casos do transtorno. "Como o assunto é mais discutido hoje, há maior procura por atendimento médico e mais diagnósticos. Mas também está provado, por estudos epidemiológicos, que a incidência da depressão tem aumentado nos últimos anos, principalmente nos grandes centros", disse Miguel Jorge, professor associado de psiquiatria da Unifesp.

Jorge explica que, além do componente genético, que pode predispor algumas pessoas à doença, fatores externos da vida atual, como o estresse e a grande competitividade profissional, podem favorecer o aparecimento da doença.

No caso dos idosos, a chegada de doenças crônicas incuráveis, o luto pela perda de pessoas próximas e a frustração por não poder mais realizar algumas atividades os tornam mais vulneráveis à depressão e ao suicídio. "Um estilo de vida estressante, o uso de drogas e álcool e insatisfação em diversas áreas são fatores de risco para a doença. Fazer escolhas pessoais e profissionais que ajudem a controlar esses fatores é uma forma de prevenir a depressão", diz o especialista.

Propostas de MEDEIROS Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!

PROPOSTAS


  • Coomunicar através de e-mail aos funcionários estaduais a documentação necessária para sua aposentadoria, quando faltar dois anos para completar o tempo
  • Histórico do Candidato Medeiros

  • Como vereador, implantei na Cidade uma associação com ambulância comunitária disponível para a população menos favorecida, a qual funcionava 24h prestando serviço gratuito a população.
  • Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!






sexta-feira, 15 de agosto de 2014



Propostas de MEDEIROS

 -Acabar com a burocracia no atendimento do SAMU.


  •  


 MEDEIROS Homem sério e honesto que trabalha com responsabilidade.Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!


Gastronomia Excesso de sal mata mais de 1,6 milhão de pessoas no mundo.

O excesso de sal mata mais de 1,6 milhão de pessoas por ano em todo o mundo, mostra trabalho do Departamento de Ciências Nutricionais da Universidade de Tufts, alertando que, em média, é consumido quase o dobro do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Há evidências de que o consumo de altos níveis de cloreto de sódio aumentou a pressão arterial, o que é um grande risco para as doenças cardiovasculares e um acidente vascular cerebral, disse Darius Mozaffarian, presidente do departamento e principal autor do estudo, publicado no New England Journal of Medicine. De acordo com o trabalho, "os efeitos do excesso de sal sobre as doenças cardiovasculares em todo o mundo, por idade, sexo e país, não tinham sido estabelecidos até agora".
O consumo diário de sal no mundo foi, em média, 3,95 gramas por pessoa, quase o dobro dos 2 gramas recomendados pela OMS.
Excesso de sal mata mais de 1,6 milhão de pessoas no mundo

Desmatamento da Amazônia cresce 134% em relação ao ano passado.



Em julho de 2014, foram desmatados 355 quilômetros quadrados de floresta na Amazônia Legal, de acordo com dados obtidos por satélite pelo SAD (Sistema de Alerta de Desmatamento), do Instituto Amazon. Isso representou um aumento de 134% em relação a julho de 2013, quando o desmatamento somou 152 quilômetros quadrados.
Quando se faz uma comparação em um período de doze meses, porém, o aumento do desmatamento é muito menor. O desmatamento acumulado no período de agosto de 2013 a julho de 2014 totalizou 2.044 quilômetros quadrados. Houve aumento de 2% em relação ao período anterior (agosto de 2012 a julho de 2013), quando o desmatamento somou 2.007 quilômetros quadrados.
Em julho de 2014, a maioria (57%) do desmatamento ocorreu no Pará, seguido pelo Acre (21%), Amazonas (10%), Mato Grosso (9%), Amapá (1%), Rondônia (1%) e Roraima (1%).
Considerando o período de agosto de 2013 a  julho de 2014, o Pará também lidera o ranking, com 42% do total desmatado. Em seguida aparece o Mato Grosso com 20% e Amazonas com 15%. Em termos relativos, houve aumento de 781% no Acre e 241% em Roraima. Por outro lado, houve redução no Mato Grosso (34%) e Tocantins (6%).
Em termos absolutos, o Pará lidera o ranking do desmatamento acumulado com 852 quilômetros quadrados, seguido pelo Mato Grosso (411 quilômetros quadrados) e Amazonas (309 quilômetros quadrados).
Já as florestas degradadas (áreas intensamente exploradas pela atividade madeireira/queimadas) somaram 97 quilômetros quadrados em julho de 2014. Em relação a julho de 2013 houve aumento de 5% quando a degradação florestal somou 93 quilômetros quadrados. A grande maioria (81%) ocorreu Mato Grosso, seguido pelo Pará (19%).
A degradação florestal acumulada no período de agosto de 2013 a julho de 2014 totalizou 711 quilômetros quadrados. Em relação ao período anterior (agosto de 2012 a julho de 2013) houve redução de 54%, quando a degradação florestal somou 1.555 quilômetros quadrados.

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

AGENDA DE MEDEIROS PARA ESTE FIM DE SEMANA.


Sexta feira dia 15: palestras a partir das 19:00 hs no conjunto Gilberto Lins e logo após na rua benedito Gonçalves no bairro paizinho maria.

Sábado dia 16 de agosto: caminhada no povoado são sebastião a partir das 15:30 hs. as 17:00 hs caminhada e palestra no povoado cruz.

Domingo dia 17 de agosto: caminhada pela manhã na cidade de tenente laurentino.

MEDEIROS Homem sério e honesto que trabalha com responsabilidade.Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Pela primeira vez, brasileiro ganha 'Nobel' de matemática.

O matemático Artur Avila, de 35 anos, premiado com a Medalha Fields Foto: Américo Mariano
o brasileiro Artur Avila, de 35 anos, se tornou o primeiro sul-americano a receber a prestigiada Medalha Fields, considerada o prêmio Nobel da matemática. Natural do Rio de Janeiro, o matemático receberá o prêmio canadense Manjul Bhargava, o austríaco Martin Hairer e  iraniana Maryam Mirzakhani.

Para ser considerado merecedor da medalha, que é entregue a cada quatro anos, o profissional precisa ter menos de 40 anos e ter trabalhos considerados fundamentais para o avanço da matemática. O julgamento é feit por um comitê secreto e a premiação é entregue para dois, três ou quatro matemáticos.

Segundo o Globo, o anúncio aconteceu durante o Congresso Internacional de Matemáticos, organizado pela União Internacional de Matemática (IMU, na sigla em inglês) e que acontece em Seul, na Coreia do Sul. A IMU divulgou um comunicado elogiando o brasileiro e justificando o fato de ele ter sido contemplado com a láurea máxima da União. Confira:

“Artur Avila fez notáveis contribuições no campo dos sistemas dinâmicos, análise e outras áreas, em muitos casos provando resultados decisivos que resolveram problemas há muito tempo em aberto. Quase todo seu trabalho foi feito por meio de colaborações com cerca de 30 matemáticos de todo mundo. Para estas colaborações, Avila traz um formidável poder técnico, a engenhosidade e tenacidade de um mestre em resolver problemas e um profundo senso para questões profundas e significativas. Os feitos de Avila são muitos e abrangem uma ampla gama de tópicos. Com sua combinação de tremendo poder analítico e profunda intuição sobre sistemas dinâmicos, Artur Avila certamente continuará um líder na matemática ainda por muitos anos”.

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Brasil registra aumento de 775% no consumo de Ritalina em dez anos.


Brasil registra aumento de 775% no consumo de Ritalina em dez anos
 Em dez anos, a importação e a produção de metilfenidato - mais conhecido como Ritalina, um de seus nomes comerciais - cresceu 373% no País. A maior disponibilidade do medicamento no mercado nacional impulsionou um aumento de 775% no consumo da droga, usada no tratamento do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH). Os dados são de pesquisa do Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).
O remédio é usado sobretudo em crianças e adolescentes, os mais afetados pelo transtorno. Para especialistas, a alta no uso do medicamento reflete maior conhecimento da doença e aumento de diagnósticos, mas também levanta o alerta de uso indevido da substância, até por pessoas saudáveis que buscam aumentar o rendimento em atividades intelectuais.
Em sua tese de doutorado pela UERJ, defendida em maio, a psicóloga Denise Barros compilou os dados dos relatórios anuais sobre substâncias psicotrópicas da Junta Internacional de Controle de Narcóticos, órgão vinculado às Nações Unidas. De acordo com o levantamento, o volume de metilfenidato importado pelo Brasil ou produzido em território nacional passou de 122 kg em 2003 para 578 kg em 2012, alta de 373%.
A pesquisadora cruzou os dados da produção e importação e do estoque acumulado em cada ano, dado também disponível nos relatórios, para chegar aos prováveis índices anuais de consumo. De acordo com o levantamento, foram 94 kg consumidos em 2003 contra 875 kg em 2012, crescimento de 775%.
Dados mais recentes obtidos pelo Estado na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) confirmam a tendência de alta. Segundo o órgão, o número de caixas de metilfenidato vendidas no Brasil passou de 2,1 milhões em 2010 para 2,6 milhões em 2013.
“Houve um aumento da divulgação da doença e do número de pessoas que passaram a ter acesso ao tratamento, mas há outro fator importante, que é uma maior exigência social de administrar a atenção. 
A especialista lembra ainda que há casos de adultos sem o transtorno que tomam o metilfenidato para melhorar a concentração e o foco nos estudos. “Isso é comum entre concurseiros, vestibulandos, estudantes de Medicina. Pouco se fala sobre isso no Brasil, mas nos Estados Unidos e em algumas partes da Europa, esse uso inadequado já é tratado como um problema de saúde pública.”
Diagnóstico. Para o psiquiatra infantil Rossano Cabral Lima, professor da UERJ, a alta no consumo é motivo de alerta porque o diagnóstico de TDAH nem sempre é acompanhado de uma investigação aprofundada das possíveis causas do comportamento incomum da criança.
“Apesar de a medicação ser importante em alguns casos, o diagnóstico rápido de TDAH e o tratamento medicamentoso parecem ter se tornado a solução mais rápida e fácil de vários problemas, sem que a origem deles seja analisada a fundo”, diz. “Não se questiona se a inquietude da criança pode estar relacionada a alguma questão da escola, se é uma resposta a algo que ela não está sabendo lidar.”
Presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), Antônio Geraldo da Silva, afirma que, apesar da alta no consumo, ainda há milhares de brasileiros com TDAH sem tratamento. “Com o crescimento do acesso à medicação, estamos talvez começando a adequar a proporção de pessoas com o transtorno e pacientes tratados. Mas hoje, infelizmente, ainda temos subtratamento de TDAH.”
O especialista cita um estudo publicado em 2012 na Revista Brasileira de Psiquiatria que apontou que apenas 19% dos brasileiros com TDAH fazem o tratamento com medicação

domingo, 10 de agosto de 2014

MEDEIROS Candidato a deputado estadual prestigia feirinha de acari VEJA.

MEDEIROS Homem sério e honesto que trabalha com responsabilidade.Vamos votar 43.234 pra currais novos avançar!